fbpx

MINI WEDDINGS: A INTIMIDADE DOS CASAMENTOS MINIMALISTAS Quantro elementos que enfatizam os motivos para as festas minimalistas serem tão especiais.

Por | 2018-08-28T16:07:39+00:00 28/08/2018|Categorias: Convites, Noivas|Tags: , , |Nenhum Comentário

 

Cada vez mais os casais estão em busca de festas que fogem dos moldes tradicionais e optam por ideias mais personalizadas e inovadoras. O mini wedding, também conhecido como casamento minimalista, é perfeito para isso. Nesse tipo, normalmente a cerimônia é bastante focada nos detalhes, o que permite liberdade aos noivos para montarem a decoração de modo extremamente pessoal.

Um evento pequeno, elegante, intimista e aconchegante. O mini wedding reúne diversas características e é a escolha ideal para noivos que desejam um casamento para poucos convidados – entre 50 a 100 pessoas. As pessoas escolhidas são as mais próximas do casal, como amigos de longa data e os familiares. As justificativas variam, mas as principais caminham entre a possibilidade de desfrutar melhor da companhia de cada amigo ou pelo orçamento menor. As refeições, por exemplo, podem ser servidas como se fosse um grande almoço ou jantar em família. Abaixo vamos compartilhar 4 elementos que enfatizam os motivos para as festas minimalistas serem tão especiais. Vamos lá?

1. Espaço e detalhes 

No último post aqui no blog, comentamos sobre a tendência de casamentos no campo. Entre as sugestões, salientamos o fato de os convidados terem maior liberdade de deslocamento, além do clima amigável e o contato com a natureza. O mini wedding pode ser realizado no campo e com decoração mais natural e rústica ou no restaurante favorito do casal. Para quem possui varanda gourmet em casa, também é uma opção. O espaço para a recepção pode contar com pufs ou sofás para que as pessoas possam sentar e conversar. Uma grande mesa comunitária para servir as refeições também vale.

Mesa para convidados. Foto: Kim J Martin/Pinterest

 

2. Cardápio 

É ideal um bom planejamento dos pratos a serem servidos. Há opções de buffets para todos os gostos. Com exceção de produtos de qualidade, não há uma regra padrão de qual alimento servir. Seja almoço ou jantar, é importante que os quitutes atendam ao gosto tanto dos noivos quanto dos convidados. O menu pode contar com porções individuais de saladas, massas, caldos, churrasco ou até mesmo comidas temáticas como japonesa, mexicana. Os petiscos também fazem sucesso, como canapés, folhados, Uma dica é pensar em refeições alternativas para pessoas vegetarianas. Para as bebidas, pensar em uma amplitude de drinks, vinhos e sucos. Para o bolo, as opções naked cake ou espatuladas com flores e frutas combinam com qualquer decoração.

Decoração mesa para bolo. Foto: Reprodução/Pinterest

3. Lembrancinhas 

Uma vantagem em relação aos detalhes são os próprios noivos poderem fazer objetos da decoração ou as lembranças em casa. Devido a quantidade pequena de convidados, por exemplo, há casais que oferecem os brindes com o nome de cada pessoa, o que confere uma grande personalidade aos itens. A confecção dos produtos pode ser uma oportunidade para reunir as madrinhas em uma tarde de artesanato. O noivo e os padrinhos também entram na rodada. As opções podem ser mudas de plantinhas, compotas de geleias. Temos um post com algumas dicas que podem ser adaptadas.  

Mudas de suculentas para presentear. Foto: Reprodução/Pinterest

4. Trilha sonora

Não é porque o casamento é pequeno que precisa ficar sem trilha sonora. Pelo clima mais intimista, é possível contratar uma banda do gênero favorito dos noivos ou escolher um dj para embalar o grande dia. Para quem está com orçamento apertado, uma dica é montar uma playlist em uma plataforma de streaming com músicas sugeridas pelos próprios convidados.

Inspiração para pista de dança. Foto: Reprodução/Pinterest

 

Gostaram das dicas? Com planejamento, os casamentos minimalistas ficam com tanto requinte quanto as grandes festas. Não se esqueçam de contratar um bom fotógrafo para registrar todos os momentos. Nos vemos na próxima semana, até logo! 

Sobre o autor:

Deixe um Comentário